25 de abr de 2013

Lego House - Capítulo 1


  Kathy P.O.V 


  Era uma vida difícil, admito. Eu já me mudei várias vezes de casa, de país e tive que deixar meus amigos pra trás mais dessa vez era diferente, dessa vez eu tinha que morar com meu padastro não é como se eu não gostasse dele, mais era estranho eu sempre fui tão acostumada em morar apenas com minha mãe e com minha irmã que isso mudou um pouco minha rotina. Coloquei um all star e qualquer roupa que tivesse na minha frente, não era muito vaidosa todo mundo sabia disso, e ninguém ligava. Peguei minha bolsa colocando os materiais rápido e descendo as escadas correndo, uma das manias que estavam na minha lista pra parar o mais rápido possível afinal que tipo de exemplo era o meu? Uma bosta, com certeza. Todos estavam na mesa inclusive meu querido padastro Paul, ele estava ledo um jornal enquanto conversava alguma coisa com minha mãe que eu não tava nem um pouco afim de saber, sentei na mesa do lado da Cindy e dei um beijo na bochecha dela, minha irmã, tão linda. 
- Bom dia. - Falei e eles responderam em coro, o tipo de vida perfeita pra quem vê de longe mais não, não é de jeito nenhum, é uma boa vida mais bem longe de perfeita.
- Você já tá atrasada pra escola não é? Você vai ter que levar a Cindy querida, eu estou cheia de trabalho hoje. - Minha mãe avisou prendendo minha atenção. Revirei os olhos e peguei uma maçã segurando a Cindy no colo dei meia volta saindo de casa sem dar tchau, indo direto pro carro. Não é que eu fosse chata ou coisa do tipo é que de manhã meu humor é realmente péssimo, algo que só quem tem entende. Coloquei ela na cadeirinha e fui pra frente dando partida, hoje o dia seria longo, muito longo. 

[...] 

 Sendo sincera aquela escola me dava ânsia. Não era como todo mundo pensa tipo, se você não usa uma mini saia não é ninguém na escola, não é bem assim. Cada um tinha um grupo que gostavam e curtiam as mesma coisas, não era aquela briga toda o único problema e que eu era inferior naquela escola, eu sabia falar Inglês fluentemente mais isso não muda o fato de eu ser uma ninguém sem amigos. Ás vezes eu queria voltar pro Brasil e ficar com meu pai, ele é um cara super legal e tem um filho de 12 anos, tipo lá é o país perfeito, eu sempre criticava ele antes de me mudar pra essa merda de Canadá que só vive no frio, isso é tão irritante era como se eu não tivesse opinião naquela casa, era como tanto faz o que você pensa. O Paul era uma boa pessoa comigo, tentava ante puxar assunto, não me lembro de quantas coisas ele invento pra eu conseguir me safar das minhas "bagunças" mais apesar de tudo eu não consigo ter uma boa relação com ele e ultimamente não consigo uma boa relação com ninguém. Eu mudei de cidade/país exatamente 11 vezes em 4 anos, eu não quero mudar de novo, eu só quero ir pro Brasil e voltar a fazer minha vida lá. Sentei em uma das cadeiras da frente e  esperei o professor de Biologia entrar, a aula sempre era legal o único problema e que a gente tinha que sentar em duplas e isso acaba com minha vida, sério. Todos foram entrando aos poucos e eu apenas me encolhia mais, eu era bem na minha e na frente de outras pessoas eu era bem tímida era algo natural eu nem conseguia controlar. O professor entrou e encarou toda sala em um estado de bom humor incrível, eu nunca conseguiria ficar daquele jeito de manhã, missão totalmente impossível. 
- Bom dia turma, o que vocês estão esperando pra fazer as duplas? - Ele falou alto e pegou uma pasta pra fazer a chamada. Todo mundo já tinha sua dupla menos eu, fiquei olhando pra qualquer lugar ante ele terminar a droga da chamada, o bom humor dele me deixa nervosa. - Kathy a srta está sem dupla porque? - Ele perguntou de um jeito amistoso e eu me encolhi na cadeira tentando disfarçar o nervosismo. 
- Porque ninguém quer sentar com ela! - Uma garota do fundão falou mais eu apenas dei de ombros já estava meio que acostumada com esse tipo de insulto ou brincadeira, era apenas ignorar. 
- Não falei com você Srta. Grey. Você é de onde mesmo Kathy, posso chama-la assim? - Perguntou e eu assenti disfarçando. Era tão constrangedor isso, eu queria me enfiar em um buraco e nunca mais sair dele. 
- An.. Brasil. - Falei um pouco receosa e me escondi mais, sorri pra ele que fez o mesmo. 

[...] 

 Era a última aula e pra variar, Biologia de novo. Aquilo era tão chato sabe, não ter ninguém como amigo e esse tipo de coisa. Peguei meu caderno e comecei a responder (ou tentar) as questões, ele era um ótimo professor e isso significa só lição difícil.
- Será que eu posso me sentar aqui? - Ia mandar um não direto ante vê o garoto na minha frente. Ele tinha os olhos clarinhos e o cabelo preto bem arrumado, ele parecia ser legal, eu não estava muito bem mais não custava nada ser legal uma vez no ano. 
- Anh, tudo bem então. - Falei e me controlei pra não olhar mais pro garoto já que eu devia estar mais corada que nunca, não sou muito acostumada com a presença de garotos por perto, se é que vocês me entendem. 
- Você é do Brasil... Meu sonho é ir pra lá, parece ser um bom lugar. - Falou tentando puxar assunto. 
- É sim, lá é perfeito e se fosse por minha escolha ainda estaria lá sem dúvidas..- Falei dando um meio sorriso mais que forçado.- Como é seu nome mesmo? 
- Desculpe, é Jason. E o seu? - Perguntou batendo o lápis na mesa. 
- Kathy. 

[...] 

 Bosta, eu sempre esqueço onde eu coloco as coisas. Peguei meu celular e coloquei no bolso de trás da calça, peguei um papel e escrevi um bilhete pra minha mãe avisando que eu iria pra casa dos Biebers, peguei a chave do carro e peguei a Cindy pela mão. 
- Vamos vê a Jazzy e o Jaxon tá princesa? - falei frechando a porta de casa. 
- Ta bom. 
 Fomos a pé mesmo já que a casa deles não era muito longe da nossa, era legal lá, eles são uma boa família. Em menos de 12 minutos a gente tinha chegado e eu nem tinha visto.
- Oi Erin eu e a Cindy vinhemos vê o Jaxon e a Jazzy já que eles vão viajar amanhã pra vê o irmão deles. - Falei quando ela abriu a porta e pediu pra nós estrarmos. 
- Ah claro, eles estão no quarto lá em cima. 
 Ela saiu indo pra cozinha e a Cindy foi correndo as escadas, era engraçado vê ela dessa forma. Abri a porta e os dois estavam brincando de alguma coisa que eu não fazia a mínima ideia o que era, assim que eles viram a gente pararam de brincar e vieram abraçar nós duas  eles eram tão fofinhos que ia ser chato ficar sem esses pestinhas por dois dias.
- Oi princesinha. - falei apertando a bochecha da Jazzy que reclamou alguma coisa que eu não entendi.- e você carinha, como tá? - falei beijando a bochecha do Jaxon. 
- Kathy, Kathy olha..- a Jazzy falou puxando minha blusa. - Você prometeu que ia levar a gente pra tomar soverte esse fim de semana mais eu vou vê meu irmão. 
 Ela falou de um jeito todo meigo, quase derreti ali mesmo. 
- Tudo bem princesa a gente faz isso depois. 
- Promete? - perguntou fazendo biquinho. - Eu quero que prometa de dedinho. 
Ela mostrou o dedinho mindinho dela e eu juntei o meu e o dela. 
- Prometo. 
  Falei e me sentei na cama observando eles brincarem, eu nunca tinha visto o irmão deles, a família Bieber sempre fala tanto desse garoto mais eu nunca presto atenção já que eu estava lá apenas pra cuidar das crianças e não da vida dos outros. Eu me tornei babá deles através da Erin, minha mãe e ela são melhores amigas desde o colegial e então nunca perderam o contato, assim que eu conheci esses dois anjinhos a Erin não tinha com quem deixa-los em uma tarde então eu fiquei com eles, ai depois outra tarde, outra e isso ficou meio que fixo na minha vida ou seja se eu não faço me dá um aperto no coração, eles eram tipo, parte da minha família, família não de sangue família de coração que é isso pra mim o que importa. 
- Kathy olha minha barbie ela é lindinha né? - A Jazzy me chamou me fazendo acordar. 
- A claro amor, muito linda ela. 
- Eu dei o nome dela de Kathy porque ela se parece com você. - Ela falou alisando o cabelo da boneca e sorrindo pra mim, abracei ela. 
- Amo você princesinha. 
                                                             **************
  Oioioi gente. Esse é o primeiro capítulo cara, falem o que vocês acharam tá? Olha eu tava vendo os comentários anteriores e me acusaram de plágio, a sinopse ficou parecida com a fic da garota então eu resolvi apagar porque além do mais eu nunca plagiei ninguém (ante porque é crime) e tipo, eu nunca li a fic dela na minha vida. Desculpem, eu esqueci de tirar a Selena falha minha². Minha fic é muito diferente da garota que a anônima mandou então pode ficar tranquila que não existe nenhum tipo de plágio aqui não, e falem o que vocês acharem porque se vocês não gostarem eu saio do blog porque meu objetivo aqui e deixar vocês satisfeitas. 
E por favor tentem não ser tão rudes, o comentários da anônima acabou com meu aniversário eu fiquei desesperada pensando que tinha feito plágio, vocês podem entrar no meu outro blog e vê que minhas fics são totalmente da tiradas da minha imaginação. Eu nem comecei a postar e já me acusaram de uma coisa que nem sabiam :( 
É isso garotas. 
Eu apaguei a sinopse mesmo por causa que tive que alterar alguns personagens ( tipo a Selena) e eu tbm esqueci de colocar o Paul e pans. 

Beijos, Bruh <3 nbsp="">

42 comentários:

  1. Primeirinha hahahhha continuas
    O jus vai demorar a aparecer tipo um três capítulos ?? Brunisses
    Continua flor :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tipo o Justin já vai aparecer, só esperar mais um pouquinho *-*
      Obrigado amor, vou continuar.

      Excluir
  2. amei gata, continua <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAh! Thank you, voou continuar agorinha amor ^^

      Excluir
  3. continua amooor e não liga pra esses anonimos idiotas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwn obrigado amor, tenho que parar de dar atenção pra eles mesmo ;D

      Excluir
  4. Aawn *0* Continua cat, e olha nn liga para esses anonimos, tanto é que são anonimos pq têm medo de se identificar ikvgkvvfugxsh' xoxo
    Continua, ain comi a kina nn conhece Justin Bieber? o.o luvgfbindwucfj' Bjos
    Continua ;p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. *como, mina c-c (to pelo cel jvfhc')

      Excluir
    2. Huashuas, obrigado vocês são bem fofas. Tenho que tentar ignorar esses anônimos mesmo, orbigado amor.
      Vou continuar agorinha u.u

      Excluir
  5. Sintoo que vou gostar MUITO dessa fanfic (((((((((((((((((((((((((:
    continua ^.^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAwn, obrigado espero que vocês goste mesmo ^^
      Vou continuar jajáa amr :)

      Excluir
  6. kraaaa achei sua ib peeerfeita dms
    continua logo plmdd
    <3 é muito perfeita
    hm,jasssssssson *u*
    @_jumagrini

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa que fofa você cara pode deixar que eu vou continuar sim, espero que você goste mesmo ;3
      Jaason *-*

      Excluir
  7. Continua princessa!ta perfeito amei.
    Ass:BELIEBER

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado amor que bom que você gostou :3
      Vouu continuar :)

      Excluir
  8. Meeuu deus que perfeito ! Estou sentindo que sua fic mal começou e eu já estou apaixonada por ela! Cooontinua :3

    Lilian

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwwn obrigado vocês estão sendo muito legais comigo ((((((((:
      Espero que você continue gostando dela né, vou continuar amor.

      Excluir
  9. Perfeito e não da bola para esse tal de anônimo. Continua

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oppaa amor, você aqui também *-*
      Não vou dar, eles não merecem minha atenção u.u
      Já continuoo *-*

      Excluir
  10. Ooi gatenha *-* Amei sua fic e até agr das 3 que entraram a a sua é a melhor ! Beijoos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwwwn muito obrigado amor fico muito feliz em saber que você gostou !
      Beijos *-*

      Excluir
  11. Perfeitoo cara continua logo *-*

    ResponderExcluir
  12. continua ta muito bom <3

    ResponderExcluir
  13. Respostas
    1. Obrigado por todo amor e o carinho Paula rçrç

      Excluir
  14. Voce é a mesma garota do nyah?? Amava aquela fic! Mas tiraram ela antes que eu terminasse):

    ResponderExcluir