16 de jul de 2014

Classic - 13





- Eu não estava fazendo nada demais. - declarei.
- Morgan. - ela levantou as sombracelhas. - Eu te conheço bem o bastante.
- Eu entrei numa academia. De kickboxing. - falei e esperei pelos gritos e berros e até mesmo pelas broncas. Mas nada aconteceu. Jas só ficou me encarando e depois deu de ombros. - Onde está toda a gritaria?
- Eu não vou gritar com você. - ela disse. - É uma decisão sua, mesmo que eu não aprove, você sabe. Por que você tem que fazer isso?
- É uma coisa na qual eu gosto, Jasmine.
Ela respirou fundo. - Tudo bem, tudo bem. - e segurou a minha mão. - Eu só fico com medo de você se machucar.
- Eu não vou.

Ver o Justin foi completamente estranho porque eu sentia que as coisas haviam mudado entre nós, de uma certa forma. Eu conseguira ficar uma noite com um garoto sem xingá-lo ou socá-lo. De certa maneira, isso era bom, mas ao mesmo tempo ruim, porque em algum momento eu teria de contar a verdade e eu sabia que Justin ia se afastar de mim depois disso. Então eu decidi aproveitar as coisas como elas estavam. Estava tudo muito legal. É só relaxar, pensei. Ele veio à noite, no meu dormitório. Foi a Jasmine quem abriu a porta, eu estava no meu quarto, lendo um livro, mas parei de prestar atenção assim que bateram na porta.
Eu achei que era a Jas - mesmo sendo estranho o fato de que ela nunca batia na porta antes de entrar -, então disse: - Pode entrar, Jas.
- Ei, Hon. - Justin me pegou de surpresa.
Eu estava toda desengonçada, com o cabelo amarrado em um amarrado de cavalo, uma camiseta e um shortinho. Não estava tão frio porque eu ligara o aquecedor. Mas pra piorar, eu estava meio que deitada ao contrário na cama, porque estava tentando achar uma posição confortável para ler. Eu dei um pulo e soltei um gemido quando vi Justin parado ali na minha porta.
- Oi. - eu fiquei de pé rapidamente  e cruzei os braços contra o peito, porque bem, eu estava sem sutiã e não seria uma opção muita boa que Justin visse meus mamilos dando um ''oi''.
- Como você está? - ele sorriu. Justin vestia uma calça jeans surrada e uma blusa cinza. Estava completamente bonito, de qualquer jeito.
- Estou bem, hum, e você?
- Eu passei aqui pra saber qual vai ser a cor do seu vestido de amanhã, sabe, pra gente combinar.
Amanhã. Amanhã era a Festa de Outono. Eu ainda nem havia pensando sobre isso. Talvez não fosse uma boa ideia ir, mas que da última vez em que eu dissera isso, Justin falou que iria me arrastar até o baile, então eu iria. - Não sei ainda. Te mando uma mensagem quando eu descobrir.
- Certo.
- Nós temos mesmo que ir? - levantei o olhar.
- Sim, ou você não quer sair comigo, Hon?
Eu não queria responder isso, então disse: - Tchau, Justin.
E ele foi embora.
Se fosse há alguns dias, eu provavelmente diria que não. Assim, rapidamente. Mas agora eu tinha que pensar. Era uma grande dúvida, porque mesmo que eu tenha prometido para mim mesma que nunca mais me aproximaria de um garoto, Justin conseguia quebrar todas as regras. E não é só porque ele fora totalmente persistente no assunto, mas porque ele era um garoto realmente legal.

- Veja esse. - Jas levantou o vestido rosa pra mim e rodou com ele em frente ao corpo.
Eu estava sentada no sofá e Jas havia acabado de voltar do shopping. Ela insistira para que fosse com ela, mas de jeito nenhum que eu iria. Talvez antigamente, mas não nos tempos de hoje.
- É fofo. - comentei, mesmo não estando prestando muita atenção.
- Luvas são fofas. Isso aqui é fabuloso.  - ela disse e pegou outro vestido na sacola. - E esse. Esse custou mais que o carro da minha mãe, mas é seda, não há como errar.
- Sim, os dois são fofos.
Ela me olhou espantada: - O que eu disse sobre essa palavra?
Revirei os olhos.
- Vou ficar com o seda. - ela decidiu. Jas se virou, pegou uma sacola e a estendeu para mim.- Pega.
Puxei a sacola. Peguei o vestido que tinha dentro dela, era preto, tomara que caia. Muito bonito.
- O que é isso?
- É o que você vai usar essa noite.
- Sem chance. - eu disse. - Eu já sei o que eu vou usar.
- O quê? Um dos vestidos velhos da sua avó?
- Para com isso. - eu gargalhei. - Eles são bonitos, okay?
- Então tá. - ela sorriu.
- Meu Deus, Jas, isso deve ter custado uma fortuna.
- E daí? Você é minha amiga e amigas servem pra isso.
- Eu não posso aceitar.
- Você só não pode como vai. - ela fez uma pausa e me encarou. - O que você está esperando? Vá lá, fale com o Justin que você vai usar preto esta noite.

Toc Toc.
Quando eu ouvi as batidas na porta, meu coração parou, eu tinha esquecido como se respirava e também estava começando a suar. Tudo assim, ao mesmo tempo. Era estranho o misto de sentimentos que Justin conseguia causar no meu corpo e, mesmo assim, eu não me sentia desconfortável ao lado dele. Pelo contrário, eu sentia que podia conversar sobre tudo com ele. E ser eu mesma, o que é o mais importante. Às vezes não se consegue isso em um relacionamento. Que droga eu estou falando? Eu e Justin nem somos um casal. 
Toc Toc.
Eu tomei uma respiração profunda, pisquei algumas vezes bem rapidamente e fui até a porta. Girei a maçaneta e abri a porta. Justin estava ali, muito bonito como de costume. Agora eu entendia porque as meninas desmaiavam por ele. Ele não era como os outros meninos, ele tinha algo a mais. Eu não sei, acho que eu estava com saudades porque meu coração ficou tão acelerado quando Justin sorriu que eu tive que ser forte para conseguir continuar a respirar. Era como se todas as minhas terminações nervosas estivessem pulsando. Foi naquele momento que eu vi Justin com outros olhos. Eu não vi o garoto que eu não gostava nem um pouco, e sim o garoto que havia me chamado para sair.
- Justin. - sussurrei.
Ele estava em com uma camisa branca por baixo do blazer. Usava uma calça caqui preta e sapatos combinando. Tinha um relógio bastante bonito no pulso esquerdo. Seu cabelo estava perfeitamente arrumado e ele esboçou um sorriso assim que me viu.
- Hon. - Justin me olhou com cautela, seus olhos brilhando. - Você está linda.
E foi naquele momento em que eu me dei conta de que estava em um encontro. Eu quis voltar para dentro, fugir, mas meus pés pareciam que estavam colados no chão. Eu sabia que tinha que ficar ali. Então eu parei de lutar. Parei de lutar contra tudo, contra todos os meus ''princípios''. Eu só queria estar ali, eu gostava de não ter medo. Às vezes o medo te aprisiona numa bolha que você não consegue sair até se dar conta de que está tudo seguro. Seguro. Segura. Era assim que eu me sentia. Eu sorri e fiz o meu cérebro funcionar. 
- Você também. - eu disse por fim.
 ********************************************************************************
Quem aí quer beijo? UHUL. Então preparem seus corações, mocinhas! Eu não tô prometendo nada, ok? Só tô dizendo que, talvez... TALVEZ tenha um beijo em um futuro próximo. Bem, eu estava viajando, então não me culpem. Eu fui no show do Luan Santana, ele canta MUITÃO. E também é bem lindo. Okay, sobre a fic: eu tô amando escrevê-la. Mas e vocês? Estão gostando? Gatas, obrigada pelos comentários, você são divas! 

Polly: Ei, Polly, eu não vou. Aliás, eu nem teria coragem, haha. Você realmente acha isso? uaheuahe. Bem, obrigada, sua linda!
Gaby: Ei, Gaby, eu também achei isso KKKKKKKKKKKKKKKKK, coitada da Morgan ): Sim, sim, eu vou tentar assistir pela internet, e, obrigada pelo conselho, porque eu sou bem chorona mesmo haha.
Paty: Eu não sei, hein, Paty... haha
Jo: Claro, Jo, obrigada pelo comentário.
Nath: Huaheuaheuhea, logo logo você vai descobrir, Nath, é só ter calma. Me desculpa por ter demorado, como eu disse, eu tava viajando, enfim... Obrigada pelo carinho, você é muito fofa!
Vic: Claro, Vic! <3 o:p="">
Anônimo: Me desculpe por isso. ): Eu tive que viajar. Sinto muito, muito mesmo. Eu não abandonaria nem se eu quisesse, haha, e obrigada por comentar.
Geeh: Hey, Geeh, nem te conheço mas já te amo kk. A Hon é mesmo burra, não é? Mas eu acho que no lugar dela, teria feito o mesmo. Sou muito orgulhosa também, lol. Você acha isso mesmo? Meu Deus, isso me deixa hiper feliz. De verdade. KKKKKKKKKKKKKKK. Bem, obrigada por comentar então, agradeço mesmo. Ah, obrigada por esse carinho imenso também e por entender meu motivos, isso é muito importante pra mim. OMG, tá falando sério? Que emoção! Acho que eu nunca pensei nisso. Ganhei meu dia! Sério, obrigada, linda, agradeça a sua amiga também. Vocês são muito fofas, haha. Beijos!


+ 9 comentários.





5 comentários:

  1. Ahhhh maravilhosa, que saudadeeeee! Eu tambem ja fui em um show do Luan, ele canta muito mesmo!!
    Ai to ansiosa pro proximo cap, eles sao tao fofos <3
    Ah e obrigada, voce tambem é fofa!
    Beijinho, e continue, sim? :*

    ResponderExcluir
  2. Ahhh pirando aqui ta mt bom awnn imaginei a cena da Hon com o Jus tomara q venha o bj logo to super ansiosa...Ta mt bom a IB continua logo ta flor...Ahhh e como foi suas ferias sua viagem...espero que tenha sido boas..

    ResponderExcluir
  3. Tava cm mt saudades linda,tm q rolar um beijo deles.continua

    ResponderExcluir